Blog Megaleios

Saiba tudo que acontece no mundo da tecnologia

Novidades do mercado digital, atualizações importantes sobre desenvolvimento de aplicativos, soluções da web e muito mais! Aqui você fica sempre bem informado. Confira os últimos posts publicados no blog da Mega!

Avalie este post

A Experiência do Usuário, ou User Experience em inglês é um fator bastante conhecido daqueles que trabalham com o mercado mobile. Na verdade, a UI é um dos principais fatores que devem ser levados em conta no momento de desenvolver um aplicativo.

No mundo mobile, tão importante quanto marcar presença é preciso se preocupar em converter mais. Quando falamos de aplicativos, converter tem relação com o número de downloads. E no momento de escolher o aplicativo e optar por baixa-lo, os usuários levarão em conta diversos fatores.

Uma boa navegação e boas funcionalidades são alguns destes fatores observados no momento de realizar o download do aplicativo.  Essas questões unidas a diversas outras formam a experiência do usuário. E é essa experiência proporcionado ao usuário que terá maior impacto na suas decisões de conversão.

Mas a preocupação do desenvolvedor de aplicativos não deve ser apenas a conversão. De acordo com uma pesquisa do Google, a cada cinco aplicativos instalados, um passa a não ser mais utilizado. E sabe qual é o principal motivo para que um app seja “esquecido”? A experiência do usuário entregue por ele.

Diante da importância da experiência do usuário, vamos entender um pouco melhor sobre esse conceito, suas vantagens e formas de tornar a experiência do usuário cada vez mais satisfatória.

Mas afinal, do que se trata a experiência do usuário?

Como vimos, no centro de todas as suas preocupações deve estar uma: oferecer ao seu usuário a melhor experiência possível. O desenvolvedor de um app não deve focar suas ações apenas em aumentar os downloads de um aplicativo. Apenas o número de downloads não determina o sucesso de um app.

É necessário fazer com que o app seja baixado e que o usuário tenha uma boa experiência. É a boa experiência que irá determinar se esse usuário irá indicar o aplicativo para outros usuários e sua avaliação. Mas você sabe exatamente quais componentes podem melhorar a experiência do seu usuário?

Quando falamos de experiência do usuário, falamos de 2 conceitos: UI, ou User Interface e a UX User Experience. Vamos conhecer mais sobre elas.

UX ou User Experience

UX ou User Experience pode ser traduzido para o português como experiência do usuário. Se trata do processo de aumentar a satisfação do usuário final com um produto, no caso o aplicativo. Mas como melhorar essa experiência? Esse objetivo pode ser alcançado otimizando a usabilidade e aumentando a satisfação no momento de interação com o aplicativo. O design é um dos fatores da UX, mas o processo de experiência como um todo aborda todos aspectos que determinam como um aplicativo é percebido pelas pessoas que fazem seu uso.

No UX estão incorporados os elementos de design de interação e arquitetura da informação. Também são levadas em contas as ferramentas de pesquisa do usuário e demais formas de interação do usuário com o app.

UI ou User Interface

A interface do usuário, ou em inglês User Interface é a interface onde as interações entre o usuário e o aplicativo acontece. Seu principal objetivo é promover um sistema agradável de fácil uso para os usuários.

Em um aplicativo com boa UI, o usuário tem a menor dificuldade em operar o aplicativo. Com isso, sua experiência é otimizada. A UI engloba tudo que está na front end do aplicativo, ou seja, tudo que é perceptível visualmente.

A navegação escolhida para o app, a disposição dos conteúdos, os botões e demais detalhes fazem parte da UI. Esses fatores vão impactar diretamente para aumentar os downloads de um aplicativo.

Qual a relação da UX com a UI?

Podemos dizer que a UI tem um objetivo mais prático, levando em consideração não só o usuário, mas também a capacidade de resposta do produto em si. Já o UX é focado em um aspecto mais complexo. A UX visa garantir uma boa experiência do usuário através da sua satisfação com o aplicativo.

Entretanto, esses são conceitos que caminham juntos e que não devem ser analisados separadamente. O que torna esses conceitos um só é a usabilidade.  A usabilidade é o sinônimo de que um produto pelos usuários de forma fluída garantindo mais satisfação a eles.

O que vai determinar em qual desses fatores investir mais para garantir a melhor experiência do usuário são as necessidades específicas do aplicativo. Enquanto alguns aplicativos devem se focar em garantir um agilidade, outros devem se preocupar em atrair a atenção do usuário através de funcionalidades complexas, por exemplo.

Quais benefícios uma boa experiência do usuário pode proporcionar?

A importância da experiência do usuário para o sucesso de um aplicativo é uma noção bastante sólida no mundo mobile. Porém, muitos desenvolvedores não possuem a real noção de como elevar a experiência do usuário pode ser vantajoso para seu aplicativo.

Para que essas vantagens proporcionas pela experiência do usuário fiquem mais claras, vamos apresenta-las melhor agora.

  • Gera uma boa impressão

Assim como em qualquer negócio, no mundo dos aplicativos a primeira impressão também é a que fica. Através de uma boa experiência do usuário é possível atrair a atenção inicial do usuário.

Mas não é só isso. Um aplicativo como uma boa experiência do usuário garante que de fato o usuário irá aprovar o app e seu funcionamento. Dessa forma, além de uma boa impressão, o aplicativo garante que o usuário ficará satisfeito com o funcionamento do app e com isso, estará mais propenso a indica-lo a outros usuários.

  • Ajuda a converter mais

Ainda que não deva ser a única preocupação de um desenvolvedor de app, boas taxas de conversão também são importantes. Mas essa alta conversão deve ser acompanhada de uma elevada taxa de satisfação do usuário.

Otimizar a experiência do usuário do aplicativo não só torna o app mais atrativo no primeiro contato. Com uma boa experiência, o usuário tende a estabelecer com o aplicativo uma relação mais duradoura. E são essas relações longas que todo desenvolvedor de aplicativos deve priorizar.

  • Fideliza os usuários

Como dito acima, uma boa experiência do usuário torna sua relação com o app mais duradoura. E além disso, a experiência é a garantia de que os usuários se tornarão fidelizados.

Usuários fidelizados tendem a divulgar espontaneamente para seus conhecidos e, claro, nas redes sociais.  Com isso o app se torna cada vez mais conhecido e mais baixado, o que garante seu sucesso a longo prazo.

O que fazer para garantir uma boa experiência do usuário?

No geral, podemos dizer que para garantir uma boa experiência do usuário é preciso garantir que eles terão exatamente o que esperam do aplicativo. Para isso, é preciso levar em consideração como os usuários se sentem com suas experiências.

Ao considerar a satisfação e a experiência do usuário fica mais fácil criar uma UX e uma UI eficientes. Para que o aplicativo gere uma boa experiência do usuário e com isso torne seus usuários cada vez mais fidelizados, iremos apresentar algumas formas de melhorar a UX do seu app.

  • Coloque-se no lugar do usuário e entre em ação

Uma boa forma de garantir uma boa experiência do usuário é se colocar no lugar dele. Se questionar o que os usuários esperam do seu aplicativo, como preferem que o aplicativo funcione e qual tipo de experiência querem ter pode ajudar muito no momento de definir uma boa estratégia de UX.

Depois de se colocar no lugar do usuário e pensar em todas as variáveis que podem afetar sua experiência é importante anotar todos os pontos importantes percebidos no processo. Depois disso desenvolva uma fluxo do usuário. O que seria isso?

O fluxo do usuário determina a ordem com que um usuário irá realizar determinadas ações dentro do app. Ao entender o mecanismo de interação, fica mais fácil priorizar as ações que podem gerar melhora na experiência do usuário.

O ideal é que no fluxo do usuário existam o menor número de passos possível. Clicar para acessar o aplicativo, acessar as funcionalidades e clicar para sair do app, por exemplo. Por esse motivo a experiência do usuário deve ser pensada em cada uma das etapas do fluxo do usuário.

  • Use as emoções

Mais uma dica de com melhorar a experiência do usuário é fazer uso das emoções. Em termos práticos é possível usar diferentes cores para diferentes emoções e sentimentos que se espera do usuário em cada etapa da utilização do app.

Por exemplo, o desenvolvedor pode determinar qual sentimento espera do usuário em cada um dos momentos. No momento em que acessa o app espera que se sinta entusiasmado. E com o decorrer do tempo pode esperar que se sintam confortáveis e satisfeitas.

E para que esses sentimentos se transformem em uma boa experiência do usuário o desenvolvedor pode apostar em cores, combinação de formas, identidade da marca, navegação e diversos outros fatores. O importante é saber exatamente qual sentimento e emoção despertar no usuário em cada parte da navegação. Assim fica mais fácil pensar em meios de melhorar a experiência do usuário no processo como um todo.

  • Aposte em rascunhos do seu aplicativo

Depois de pensar nas emoções que deseja despertar, está na hora de fazer um rascunho da “cara” do aplicativo. O rascunho pode ser feito até mesmo em um bloco de notas. O importante dessa parte do processo é ter uma noção geral do funcionamento e dos elementos. E mais do que isso, entender como esses elementos que poderão aumentar a experiência do usuário.

Nesses rascunhos devem estar contidos todo o planejamento feito até então, especialmente no que diz respeito a experiência do usuário. Através desse rascunho será possível realizar os testes necessários e garantir mais sucesso para o aplicativo.

  • Faça testes

Testar seu aplicativo é a melhor forma se saber se ele realmente oferece uma boa experiência do usuário. Esses testes devem ser feitos com frequência e devem ser iniciados desde o começo do desenvolvimento do app.

É imprescindível que sejam feitas pesquisas de experiência do usuário antes do lançamento do app. Esse feedback sobre a usabilidade do aplicativo vindo diretamente dos usuários pode ser sinônimo de bons resultados. Tais testes podem ser feitos com um grupo de pessoas que representem bem o público alvo do aplicativo.

Outra opção são os testes A/B. Eles visam testar diferentes versões do app e analisar qual gera melhores resultados no quesito experiência do usuário. Para aqueles que não possuem orçamento para realizar os testes, é possível apresentar o app para amigos e familiares. Através da sua opinião do aplicativo poderão ser feitos aprimoramentos em busca da melhor experiência possível.

  •  Desenvolva processos simples

O processo que os usuários tem que enfrentar para efetivamente fazer uso de determinado aplicativo diz muito sobre a experiência do usuário.

Exigir um longo cadastro para o usuário ter acesso ao aplicativo é um exemplo de processo que deve ser evitado. Trata-se de uma barreira desnecessária que piora a experiência do usuário. Uma boa experiência do usuário é alcançada ao facilitar ao máximo a interação do público com o aplicativo.

Neste caso, é ideal pedir ao usuário apenas os dados que realmente são essenciais para o bom funcionamento do app. Uma boa dica é exigir poucas informações no início e ir completando os dados quando o usuário já estiver fidelizado.

O que podemos concluir sobre a experiência do usuário?

A experiência do usuário é um dos elementos mais importantes para o sucesso do aplicativo. Ela garante a satisfação dos usuários que já fazem uso do app e também contribui para que novos usuários conheçam e passem a usar determinado aplicativo.

Contar com uma estratégia bem definida para otimizar a experiência do usuário é fundamental para o sucesso do aplicativo. Como o mundo mobile é repleto de alternativas de aplicativos, o cuidado com a experiência do usuário deve ser constante.

Por esse motivo, as dicas demonstradas acima devem ser empregadas em todos os processos, e o aperfeiçoamento deve ser contínuo.

Aprimorar a experiência do usuário exige que o desenvolvedor esteja atento aos feedbacks recebidos dos usuários. Avalie a experiência do usuário através dos comentários e avaliações deixados na app store. Através deles é mais fácil entender quais pontos podem ser aprimorados e quais devem ser evitados.