Blog Megaleios

Saiba tudo que acontece no mundo da tecnologia

Novidades do mercado digital, atualizações importantes sobre desenvolvimento de aplicativos, soluções da web e muito mais! Aqui você fica sempre bem informado. Confira os últimos posts publicados no blog da Mega!

Avalie este post

Esses conceitos podem parecer confusos, mas entender os termos UI, UX e IxD é fundamental para obter sucesso com o desenvolvimento de aplicativos em qualquer área e para qualquer que seja o público-alvo do seu app. Saber o que são UI e UX é mais fácil para quem já trabalha na área e IxD já não é tão comum, mas vamos explicar detalhadamente cada conceito para esclarecer suas dúvidas.

UI, UX e IxD: entenda os conceitos.

O que é UI?

UI é a sigla para User Interface, onde o foco do design de um aplicativo é voltado para a estética do app. O objetivo é fazer com que o usuário daquele aplicativo fique encantado com o que está vendo. Desta forma, o UI também reflete sobre as adaptações que serão feitas para cada dispositivo, tamanho e sistema operacional diferente, sempre focando em uma interface que agrade o usuário visualmente.

O que é UX?

A sigla UX vem de User Xperience (ou Usar Experience), que em português significa “experiência do usuário”, ou seja, que foca na funcionalidade do app. Nessa área, o objetivo é refletir sobre o que o usuário espera de sua experiência com um app, promovendo facilidade no uso, intuitividade, satisfação das necessidades e estudando as motivações do usuário ao utilizar um app, projetando o aplicativo mais funcional possível.

O que é IxD? 

Esse menos difundido conceito, o IxD, é sigla para Interaction x Design, e funciona como uma união entre os dois anteriores. Nesse caso, o IxD pensa em como o usuário vai se relacionar com o aplicativo, ou seja, ao invés de focar em estética ou usabilidade exclusivamente, esse conceito busca criar um vínculo do usuário com o aplicativo.

UI, UX e IxD: entenda os conceitos.

Pensar na aplicação destes conceitos de UI, UX e IxD é essencial no desenvolvimento de aplicativos, pois apenas assim o app tenha destaque, pois o sucesso de um aplicativo não é medido apenas no número de downloads, e sim no tempo de permanência no dispositivo, quantidade e duração do uso e nas avaliações feitas pelos usuários.