Blog Megaleios

Saiba tudo que acontece no mundo da tecnologia

Novidades do mercado digital, atualizações importantes sobre desenvolvimento de aplicativos, soluções da web e muito mais! Aqui você fica sempre bem informado. Confira os últimos posts publicados no blog da Mega!

Mercado mobile em 2020: o que esperar depois de 2019?
5 (100%) 1 vote[s]

Podemos afirmar com certeza que os aplicativos estão se tornando indispensáveis na vida das pessoas. O balanço do mercado mobile em 2019 demonstrou um grande crescimento. Mas o que esperar do mercado mobile em 2020?

Confira aqui como foi o ano de 2019 e quais as tendências para o ano que está chegando.

O mercado mobile

Dados recentes indicam que os brasileiros estão se familiarizando mais com as compras mobile.

43% do share do mercado já se concentra nos dispositivos móveis.

Além disso, o Panorama do Comércio Móvel no Brasil indicou recentemente que 85% dos brasileiros que têm smartphones realiza compras por meio do dispositivo.

Ou seja, o comércio móvel não é mais uma tendência.

Se tornou uma força comercial dominante.

Afinal, hoje é possível comprar quase tudo em um smartphone.

Com o seu dispositivo você consegue comprar comida, ingressos para o cinema, abrir uma conta bancária, fazer aulas na faculdade, etc.

Tudo está na palma da sua mão!

Esse boom das compras online surgiu em 2018.

Por esse motivo, o ano de 2019 já começou com um mercado mobile promissor com muitas chances tanto para empresas quanto para os consumidores.

Se tratando dos aplicativos, o Brasil divide o segundo lugar com a Índia com a maior quantidade de downloads no terceiro trimestre de 2019.

Podemos afirmar assim, que há um campo muito fértil para você que deseja desenvolver um aplicativo.

Faturamento do mercado em 2019

No mercado em geral houve um crescimento de 20% na receita dos aplicativos, se compararmos com 2018.

O terceiro trimestre chegou a US$ 23 bilhões de faturamento.

Estima-se que nos próximos anos chegue até US$ 122 bilhões por ano.

Falando em receita, os aplicativos de streaming ganharam espaço, tendo um aumento de 10% nas assinaturas se comparado com 2018.

Mas os maiores responsáveis pela receita do mercado de apps foram os jogos. 65% da receita da loja da Apple foi gerada pelos aplicativos de jogos, e na Play Store, 80%.

E ter um site é suficiente?

Talvez você esteja se perguntando se ter um site pode ser o suficiente para que você se insira no mercado mobile.

Mas você precisa pensar que se o site não for responsivo, a experiência de navegação pode ser frustrante. E isso pode afastar os seus clientes.

Quando se trata de compras, os consumidores preferem o check-out mais fluido fornecido pelos sites de desktop.

Por isso é tão importante oferecer uma ótima experiência no smartphone. Assim, você obterá mais rapidamente uma taxa de conversão satisfatória também no mobile.

Desenvolver um aplicativo pode ser a solução.

Porém, não esqueça que é preciso convencer os clientes a baixarem o app e manter ele instalado.

O ponto positivo é que os consumidores que usam apps tendem a ser mais leais.

Quando eles baixam o app e dão espaço de armazenamento, é bem provável que tenham um nível de relacionamento com a marca.

Então, os apps são uma forma de incentivar a lealdade dos clientes e amplifica-la.

Desafios do mercado mobile em 2020

O grande desafio do mercado mobile em 2020 será justamente o engajamento dos usuários.

Mesmo com o índice de downloads em crescimento, a grande concorrência dificulta na hora de manter a tenção dos usuários no app.

Além disso, será preciso desenvolver mais as compras em aplicativos.

Apesar de também aumentarem, ainda não conquistaram a maturidade desejada para o mercado brasileiro.

O que esperar do mercado mobile em 2020?

Como comentamos os streamings tiveram boa aceitação no mercado.

Por isso, esse nicho ficou bastante disputado.

Em 2020, as empresas pretendem agir de maneira mais agressiva, formando fortes parcerias e produzindo conteúdos exclusivos.

Os jogos, que também tiveram muita relevância em 2019, prometem ainda mais força no mercado mobile em 2020.

Outra promessa são os aplicativos com realidade aumentada e inteligência artificial. Eles começarão a ter mais presença.

Ademais, espera-se que tenha um aumento na confiança dos usuários com os apps financeiros. As carteiras virtuais, corretoras financeiras e bancos virtuais terão mais destaque no mercado mobile em 2020.

Com relação às compras, como comentamos recentemente, o tíquete das que são realizadas no desktop ainda é maior. Porém, em 2020 isso pode mudar por conta também do aumento da confiança das operações nos dispositivos móveis.

Esse possível aumento se deve também ao investimento das marcas em uma melhor experiência de compra. Cada vez mais as empresas desenvolvem apps melhores que garantem praticidade para os consumidores.

Além dessas, destacamos outras tendências relevantes do mercado mobile em 2020. Confira!

Quer ficar por dentro de mais novidades desse mercado? Se a resposta for sim, assine agora mesmo a nossa newsletter!

  1. Varejo omnichannel

Já vemos como uma obrigação do varejo a venda de produtos e serviços em diferentes canais com interação entre eles.

Vamos considerar então que as compras podem envolver vários dispositivos e fontes de informação. Ter uma estratégia omnichannel bem-feita pode ser a chave para garantir uma ótima experiência ao consumidor.

Isso é muito relevante se levarmos em conta que a maior parte dos consumidores espera experiências consistentes em canais distintos.

De acordo com dados de uma pesquisa da Harvard Business Review, 73% dos consumidores já compra em vários canais. Outro dado relevante é que 73% disse que trocaria de marca se a jornada não atingisse às expectativas.

Ou seja, se a sua empresa quiser atingir essa fatia do mercado, precisa criar alguma iniciativa.

O omnichannel pode ser uma das soluções.

Essa estratégia se baseia na utilização simultânea e interligada de canais distintos de comunicação.

Assim, é possível aprimorar a relação entre online e off-line, e consequentemente, a experiência do usuário.

A base do varejo omnichannel são os smartphones, já que estão sempre ao lado dos consumidores.

  1. Pagamentos por celular

Muitas vezes não é frustrante colocar as informações do cartão de crédito em teclado pequeno. Principalmente se você está em movimento.

Uma das tendências que podem surgir em breve é a substituição do cartão de crédito físico.

Acredita-se que as próprias carteiras podem ser substituídas em breve.

Isso pode ser projetado considerando o crescente uso dos apps de pagamento.

Apple Pay, Google Pay e PayPal são aceitos em diversas lojas online. Já nas lojas físicas eles podem ser vinculados às contas bancárias.

  1. Realidade aumentada

Sabemos que muitas pessoas ainda preferem a compra em lojas físicas para ver os produtos de perto.

Além disso, há a facilidade de testar e experimentar tudo sem gastar dinheiro.

Porém, essa lacuna pode ser preenchida através da realidade aumentada.

E os dispositivos móveis são perfeitos para proporcionar essas experiências. Afinal, são portáteis e possuem câmeras e processadores cada vez melhores.

Vamos pensar, por exemplo, em uma loja de óculos.

Com a realidade aumentada os clientes podem experimentar os produtos sem estarem na loja física. Basta usar a câmera do smartphone!

Ou ainda, os clientes podem ver como os produtos ficarão em suas casas, sem carregar um móvel sequer.

  1. Inteligência artificial

Outra forte tendência é o uso das assistentes inteligentes que proporcionam experiências mais dinâmicas.

Essas assistentes são recursos de inteligência artificial que permitem a comunicação dos usuários com seus dispositivos através do comando de voz.

Ou seja, o avanço da tecnologia atingiu um novo patamar, dando aos usuários a possibilidade de conversar com os dispositivos.

Isso é uma grande mudança, considerando que até então as pessoas só interagiam por mensagens com uma interface.

As ferramentas de pesquisa por voz possuem diversas finalidades.

Os usuários podem abrir apps, solicitar ligações, fazer anotações na agenda, criar alarmes, entre outros.

Isso facilita muito a vida dos usuários, já que eles podem fazer várias coisas, sem nem precisar digitar.

O uso dessas assistentes é uma forte tendência para o mercado mobile em 2020.

A grande popularidade pode chegar também no mobile banking, já que os avanços da IA podem garantir eficácia nas suas operações.

  1. Open banking

No fim de janeiro de 2020 encerra a consulta pública do Banco Central sobre a implantação do Open banking no Brasil.

Esse modelo de negócios coloca o cliente como dono de suas informações pessoais. Isso permite que ele escolha se quer compartilhar suas informações armazenadas pelo banco com outras empresas.

Assim, será possível ter acesso a serviços personalizados, experiências mais ágeis e soluções diferenciadas.

  1. Fraudes em dispositivos móveis

Junto com o crescimento do comércio mobile, infelizmente, está também a fraude.

As transações móveis representam a maior parte das transações com fraudes.

E acredita-se que há uma forte tendência de que essas fraudes aumentem nos próximos anos.

Os dispositivos móveis e seus usuários são vistos como grandes alvos para técnicas como o phishing.

Os smartphones podem ser roubados fisicamente. Se não estiverem protegidos adequadamente, os criminosos podem usar os apps para realizar compras não autorizadas.

Por isso, a garantia de segurança é tão importante nos apps.

Quando o cliente instala um aplicativo, ele precisa se sentir protegido.

Qualquer estratégia de comércio mobile precisa considerar os riscos de fraude. Além disso, é imprescindível ter um plano para deixar os clientes e negócios seguros.

Isso pode incluir o trabalho com especialistas em proteção contra fraudes.

  1. Alta personalização

Os clientes também passaram a exigir altos níveis de personalização nos serviços.

A evolução da análise de dados é uma ferramenta que pode auxiliar.

Ela providencia insights relevantes e permite que os apps utilizem melhor as informações que têm acesso.

  1. Entrada na era 5G

A rede 5G ainda está tímida e sendo implementada gradualmente.

Porém, será uma grande tendência no mercado mobile em 2020.

A Apple deve planejar seu primeiro modelo de iPhone com capacidade de rede 5G até o outono de 2020.

Embora a Samsung já tenha lançado modelos com rede 5G, é provável que isso cresça à medida que as operadoras implantarem de maneira generalizada em 2020.

  1. Práticas ASO

Uma prática que será mantida no mercado mobile em 2020 é o uso de ASO.

As práticas, apesar de se aperfeiçoarem, não têm se alterado muito nos últimos anos.

Em 2019, os Search Ads permitiram uma melhor segmentação das palavras-chave e definição de lances para alcançar o topo nos resultados de busca.

Além disso, o Google desenvolveu ferramentas, como as de App Marketing, que têm muito sucesso. Alguns exemplos são os anúncios reproduzíveis e os apps instantâneos. Esses permitem que os usuários testem aplicativos, antes mesmo de instalá-los.

  1. Mercado de games

No mercado mobile em 2020 o Android será o preferido dos gamers.

Esse dado foi apontado pelo relatório da Liftoff, uma plataforma de marketing e retargeting de apps.

A pesquisa analisou mais de 107 bilhões de impressões de anúncios.

O relatório contemplou oito países, sendo eles: Brasil, Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Reino Unido, Japão, Rússia e Coreia do Sul.

Isso pode ser explicado pelos custos.

O preço de aquisição de um usuário pelas ações de marketing no Android é de US$ 3,21. Já no iOS, o valor aumenta para US$ 4,85.

Ou seja, o proprietário de um jogo precisa gastar 51% a mais para conquistar um jogador que utiliza dispositivos da Apple.

Smartphones continuam em crescimento

Depois de conhecer todas as tendências para o mercado mobile em 2020, é possível ter a convicção de que os smartphones continuam em crescimento.

A diferença, é que essa tendência será muito mais visível.

Em 2025, espera-se que esse crescimento alcance em todo o mundo 80%!

Entretanto, é preciso observar que os usuários vêm adotando novos comportamentos.

Novas pessoas, novos comportamentos, resultando em dinâmicas distintas.

Você vai ficar de fora?

Provavelmente, aqui no fim desse post, você já deve ter percebido que não dá mais para ficar só observando esse crescimento.

É preciso fazer parte disso!

Como no mundo da internet, temos que nos adaptar as novas tendências e inovações.

E se você quer desenvolver um site ou um a Megaleios é a empresa certa para te ajudar!

Com experiência no desenvolvimento de sites e aplicativos somos uma empresa que é apaixonada por tecnologia e que acompanha seus clientes no caminho até o sucesso.

Conte com a MEGA para alcançar o sucesso em 2020!