Blog Megaleios

Saiba tudo que acontece no mundo da tecnologia

Novidades do mercado digital, atualizações importantes sobre desenvolvimento de aplicativos, soluções da web e muito mais! Aqui você fica sempre bem informado. Confira os últimos posts publicados no blog da Mega!

Avalie este post

A experiência do usuário, ou User Experience é um termo decisivo no mundo dos aplicativos. Para garantir que o aplicativo desenvolvido seja de fato um sucesso, a experiência do usuário pode ser um diferencial.  E é aí que entra o UX design. Ele é a estratégia de design desenvolvida pensando na forma de garantir aos usuários a melhor experiência ao utilizar um app.

Sabemos que no mundo mobile, tão importante quanto marcar presença é preciso se preocupar em aumentar as taxas de download. E para que um usuário decida por baixa-lo, levará em conta diversos fatores. Uma boa navegação e boas funcionalidades são alguns destes fatores observados no momento de realizar o download do aplicativo. O UX design é outro fator que pode mudar a forma como o usuário enxerga um aplicativo.

Diante da importância da experiência do usuário, vamos entender um pouco melhor sobre o UX design, suas vantagens e como geram um ponto de diferencial em relação aos outros apps.

O que é o UX design?

Nos termos mais simples, o UX design é um meio de tornar a experiência do usuário com o produto única. O UX design é o processo de projetar produtos (digitais ou físicos) que são úteis, fáceis de usar e interagir. Trata-se de melhorar a experiência ao interagir com o produto e agregar valor ao produto.

Para tornar o entendimento ainda melhor, podemos dizer que o UX é a experiência que um usuário tem ao interagir com seu produto, então o UX Design é, por definição, o processo pelo qual determinamos qual será essa experiência.

O UX design é constante. A todo momento a interação entre o usuário e o aplicativo é pensada. E o que garante que o UX design será bem executado? Um bom UX design é formado por decisões que compreendem e atendem às necessidades dos usuários.

O UX design é um processo cujo único objetivo é projetar um sistema que ofereça ótima experiência aos seus usuários. Assim, a UX design engloba design de interface do usuário, usabilidade, acessibilidade, arquitetura da informação e Interação.

O “design” da experiência do usuário foca na utilidade, a facilidade de uso e interação do usuário com o app.  Ou seja, o design visual é como um produto se parece, enquanto o  UX design é, essencialmente, como se sente.

O UX design é praticado pelos designers de UX. Eles estão particularmente preocupados com a interação que ocorre entre os usuários e o sistema que eles estão usando. Assim, um designer adota princípios para tornar um app acessível. E na prática incorporam esses princípios no processo de design do app.

Quais os objetivos do UX design?

Podemos dizer que os objetivos do UX design são: entender os pontos que podem maximizar a experiência de um usuário e desenvolver um app focado nessas características.

Usamos o UX design em função dos benefícios gerados ao usuário. Afinal, quanto mais usuários satisfeitos maiores são as taxas de conversão. Mas o aap só alcançará esses benefícios quando os objetivos do UX design são atingidos.

A primeira coisa a se pensar é alinhar as metas do usuário com as metas do app. Por exemplo: se o objetivo de um usuário é obter um app de compra, o UX design precisa tornar a compra útil, agradável e como máximo de usabilidade. Mas o que isso quer dizer?

Um app útil é aquele que ajuda a cumprir a necessidade do usuário. Ou seja, é capaz de resolver um problema que os usuários realmente têm, se tornando assim, útil. Por outro lado, a usabilidade garante que os usuários terão boa compreensão e poderão usar o app sem dificuldades. Por fim, um aplicativo agradável garante que os usuários terão prazer em usá-lo.

Em suma se o objetivo do usuário for atingido, eles terão uma ótima experiência com o aplicativo. Com isso, os usuários encontram o que estão procurando de maneira rápida e fácil. E o resultado é bastante intuitivo. Quando um usuário tem uma ótima experiência, é mais provável que ele retorne a app produto, recomendando a seus amigos.

Como desenvolver um projeto de UX design?

A partir de agora vamos mostrar como iniciar um projeto de UX design.  Serão discutidos os métodos UX usados ​​ na criação de um produto. Além disso, vamos mostrar a ordem na qual as etapas específicas de UX devem ser seguidas.

  • Pesquisa sobre os usuários

A pesquisa sobre os usuários é o ponto de partida de todos processo de UX design. Essa pesquisa aponta para características dos usuários, como seu comportamento, seus objetivos, motivações e necessidades. Ela também aponta como os usuários navegam, onde eles enfrentam problemas e como se sentem quando interagem com nosso produto.

O processo de pesquisa é extremamente importante para garantir uma melhor experiência para os usuários. Trabalhar com base em suposições ou próprias experiências pode ser arriscado. Isso porque muitas o desenvolvedor deixa de perceber a experiência do usuário de uma forma mais ampla.

Isso significa facilmente perder oportunidades de melhorar o serviço ou produto para atender às necessidades dos usuários. Além disso o desenvolvedor pode intuir que o app é fácil de navegar, mas a realidade pode ser outra.

Uma boa estratégia de UX design significa pensar a partir da perspectiva do usuário. E para compreender essa perspectiva é preciso o realizar uma pesquisa aprofundada do usuário e suas características.

A pesquisa do usuário nos fornece os dados necessários para começar a criar o aplicativo. Essas informações são parte fundamental de qualquer projeto de UX design. Pesquisando primeiro, economizamos muito recursos visto que menos ajustes precisam ser feitos depois que aplicativo for lançado. Se o app fosse lançado e depois as pesquisas fossem realizadas, seria necessário incorporar grandes mudanças para atender às necessidades.

Como podem ser feitas as pesquisas sobre os usuários?

É importante entender a diferença entre ouvir e observar os usuários. Ambos os métodos têm seu lugar na pesquisa e ambos fornecerão dados valiosos.

O primeiro método pode ser através de entrevistas. Uma entrevista do usuário é uma discussão aprofundada e individual entre um entrevistador e um usuário. Ela é desenvolvida para descobrir as necessidades e os requisitos subjacentes do usuário ao usar um aplicativo, por exemplo.

As pesquisas online também podem ser boas aliadas. Uma pesquisa on-line é um questionário enviado enviadas para os usuários pela Internet. Geralmente as pesquisas acontecem por meio de um formulário.

Outro meio que pode ser usado é através da criação da persona. Essas personas são fictícias, mas representam uma seleção do público real e de seus comportamentos. Criamos personas de usuários a partir de pesquisas bem como análises da web já realizamos em uma plataforma online.

  • Criação do Wireframes e protótipos de interação

Através da consciência sobre o usuário, vem a parte mais voltada para o UX design em si. Essa etapa de desenvolvimento é bastante importante, afinal é ela que dá uma primeira impressão visual sobre o app. Mas atenção, embora os designs dos produtos sejam importantes, é a experiência do usuário e a usabilidade dos produtos que o diferenciaram dos concorrentes.

Podemos definir Wireframe como um protótipo ou uma versão primitiva do visual de um aplicativo. Ele consiste na representação da diagramação e das estruturas macro do app ou seja, a divisão da interface em seções.

Muitos designers gostam gastam muito tempo em Wireframes super elaborados. Mas é indicado não quer gastar muito tempo desenhando, e sim explorando os projetos. Não pense muito sobre os pixels, quão grande ou pequeno o texto. O ideal aqui é explorar diferentes abordagens de design e ver qual é a melhor solução.

O ponto principal dos Wireframes é deixar que todos dêem a sua ideia e que soluções sejam exploradas. Assim, uma vez que todos concordem é possível começar o design sem qualquer alteração ou confusão futura.

Mas existem muito mais coisas para discutir nesta etapa. Basicamente, depende de como a equipe quer realizar os processos. É possível apostarem um UX design mais rápido e aprimorá-lo posteriormente. Mas o que se deve ter em mente é a importância de priorizar a melhor experiência do usuário possível.

Também é importante testar o protótipo para os usuários reais, fazer alguns testes e ver como eles reagem, consertar e criar um novo protótipo, trazer para o usuário novamente. Para não se perder, foque na persona de usuário, lembre-se de que ainda estamos criando um produto para os usuários. É claro que todos nós temos objetivos de negócios, mas o produto é para os usuários alcançarem a melhor experiência.

  • Testes dos usuários

Assim como a pesquisa, a fase de testes é uma parte fundamental do UX design. Os projetistas de UX testam porque isso permite que eles aprimorem o projeto original do aplicativo. Além disso, verifica se as alterações feitas durante a fase de protótipo trazem bons resultados.

Os testes com usuários são uma ótima maneira de eliminar problemas ou dificuldades do usuário antes da fase de implementação. Mas atenção! Certifique-se de testar com usuários reais que não são amigos ou familiares. É preciso obter feedbacks sólidos para que o aplicativo possa ser aprimorado ao máximo.

Por vezes os testes são vistos como muito custos ou demorados, mas a realidade pode ser diferente. O teste não é algo que possa ser ignorado, pois mesmo uma simples rodada de testes pode alterar totalmente o desenvolvimento do UX design. O tempo e o dinheiro que uma empresa gasta nos testes nesse estágio economizarão quantidades infinitas de ambos posteriormente.

Na prática, o teste não precisa ser demorado ou caro. Se feito da forma correta, o teste pode fornecer ótimos resultados para o sucesso do UX design. Desta forma, vamos entender um pouco mais sobre a forma correta de realizar os testes.

Como realizar os testes?

Testar seu produto não precisa ser um processo complicado. O teste do usuário pode ser tão simples quanto criar protótipos.  Quanto mais cedo você testar, mais fácil será fazer alterações melhor o resultado do teste na qualidade do app. Embora o teste com usuários, possa fornecer a compreensão mais profunda, também há outros modos de testes. Como por exemplo o teste de usuário remoto e teste A / B . O que interessa é que nesses testes seja testada a usabilidade, e o UX design seja maximizado.

O teste de usabilidade é feito para garantir como o app vai funcionar na mão dos usuários. A ideia é que os participantes executem tarefas usando seu aplicativo enquanto o designer de UX observam. O objetivo do teste de usabilidade é identificar problemas ou problemas que o usuário tem com a interface.

A vantagem desse tipo de teste sobre o teste de usuário remoto é que as ações do usuário, e não apenas suas opiniões sobre um produto, podem ser observadas. Você pode aprender mais observando seus usuários de perto durante os testes, além de ouvir o que eles dizem.

Mas é importante observar as ações que o usuário toma sem invadir ou influenciar suas ações ou decisões. Alguns projetistas de UX design conduzem testes de usabilidade pedindo aos participantes que conversem em voz alta. Isso dá à equipe de UX design melhor perspectiva do que acontece na mente do usuário enquanto eles estão usando o aplicativo.

Conclusão sobre o UX design

O principal ponto que podemos concluir sobre o UX design é seu foco na experiência do usuário. Em todas as etapas do processo, o objetivo é melhorar a forma como o usuário irá interagir com o aplicativo.

Para que o UX design desenvolvido obtenha sucesso, é preciso primeiramente focar na pesquisa sobre os usuários. É através dela que o desenvolvedor irá conseguir as informações sobre as reais necessidades do usuário.

Após uma pesquisa bem feita, é hora de criar os protótipos do app. Mas uma vez, deve ser priorizada a experiência do usuário e a usabilidade do app. Por fim, antes de efetivamente lançar o aplicativo, é preciso realizar testes com os usuários. São esses testes que indicarão a reação do usuário ao utilizar o aplicativo.

Desta forma, é fácil concluir que, para um UX design bem feito, a preocupação com a UX deve ser o foco das ações. Ao pesquisar sobre os usuários, desenvolver um protótipo pensado para as suas necessidades e testar antes do lançamento, ou seja, ao ser feito um bom UX design, o aplicativo sai na frente e abre vantagem em relação aos seus concorrentes.